Saturday, and it’s raining

É verdade, está de chuva, e enquanto se brinca um pouco com a net para sacar um Fedora vamos descobrindo uma ou outra novidade.

Hoje tomei conhecimento que os servidores de emule Portugueses MaxPT Tejo & Sado fecharam. Segundo ouvi por aí comentar não foi devido a problemas com a justiça, mas a verdade é que fecharam definitivamente.

Ontem também, encontrei pela net uns posts a indicar que os famosos Razorback, os gigantes do P2P a nivel internacional fecharam também. Segundo um jornal online, a policia belga chegou inclusivamente a prender o dono do Razorback 2.0. Parece ainda que segundo o mesmo jornal a entidade que geria o Razorback 2.1 resolveu encerrar o mesmo.

Está assim tomada a rédea para silenciar os movimentos de partilha a nivel mundial. Resta saber agora como será daqui para a frente.

Desde há muitos anos, em que se partilhavam programas, filmes, jogos, musicas em ftps, todo este processo têm vindo a evoluir. Depois era a proliferação dos sites de warez, o Kazaa, depois o DirectConnect, e por fim o emule.

Qual será o futuro da internet. Quando tanto se debate o acesso á sociedade da informação, e cada casa ter um acesso internet, é minha opinião pessoal que a net não têm hoje em dia conteúdos que sejam suficientes para prender utilizadores ao ecrã.
Tirando os p2p, os sacadores de músicas, filmes, jogos e wahetever que mais existe? Os chats? Bem esses morreram: O ICQ nunca parece ter vindo para ficar, o IRC morreu… foi em parte apunhalado pelo MSN e pela passagem de efeito do boom novidade. O MSN, o gigante têm hoje vários concorrentes…

Pessoalmente uso a net para ver dois ou três blogs, alguns sites de noticias, ver emails, e trabalhar á distãncia, porque practicamente o que se faz na empresa tudo se faz por cá. Assim além da vertente de trabalho, parece-me que a vertente lúdica está a morrer. Isto claro é uma opinião, mas ao longo de todos estes anos em que estive ligado mais ao lúdico, vi muita gente desaparecer, desinteressar-se, simplesmente… eu inclusivé.

Bem e agora vou rentabilizar a minha ligação de 4 MBits.

Estou a tirar o Fedora Core 5 – Test 3 do http://lisa.gov.pt a uma velocidade de 476 KB/s.
Excelente, melhor não podia ser…
Após ler o blog do Vitor Domingos, mas concretamente este post descobri que aqui ele estava, em terras tugas.

Aparentemente o tux.cprm.net desapareceu de vez, já há muito tempo tinha visto qualquer coisa sobre isso, num mês em que deixou de funcionar. Já antes quando torrei o DVD do Fedora Core 4, pasme-se saquei o mesmo do ftp da Novis quando foi lançado, porque no ftp da Telepac… nada.

Sempre podemos ainda visitar o Darkstar, mas esse geralmente tinha sempre algumas limitações de banda, pelo menos quando o usei notei congestionamentos. Assim é de prezar estes novos projectos do governo: http://lisa.gov.pt

Tecky….

O meu antigo rato óptico da LabTec que usava no portátil:

Avariou. Após alguns dias a usar o outro óptico do meu desktop de casa, algumas reclamações da Diana em que o PC não reconhecia o rato que está ligado ao KVM Switch, e de sucessivos resets directos que pareciam pôr o PC a reconhecer o rato, na visita à fnac lá comprei um outro ratito.

Trata-se de um Samsung Pleomax SPM-7000X, que prefiria ser em preto, mas só havia em branco. Caso não tivesse estampado em letras grandes SamSung diria que estava presente um “art object” da Macintosh. Mas não, é mesmo Samsung. É algo parecido com aqueles porta-chaves que tinham algo dentro envolvido em plático transparente. Parece um rato, embebido dentro de uma cápsula.

Melhor ainda, é o scroll, que é azul, e azul mesmo iluminado. Um azul bem luminoso, em algo que apenas posso comparar ás teclas do meu Kiss DP 1000.

Igualmente ainda, tive hoje oportunidade de experimentar o Qtek 9100. Confesso que estas pequenas maravilhas são fascinantes. Têm de tudo um pouco, pelo menos é essa a minha opinião com o meu S100.

Já relativamente a este gostei muito em termos de design. É fantástica a ideia do teclado em modo slide, que permite aceder a um teclado real. Fantástico também porque está equipado com o Windows Mobile 5.0, que em termos gráficos é bastante mais apelativo que o 2003 SE.
Pelas reviews que tenho acompanhado por vários fóruns é um SO um pouco mais pesado.
Wi-Fi integrado, BT, GPRS,…. enfim um rol de coisas com uma câmara de 1.3 Mb.

Apenas não achei “fantasticamente fantástico” a velocidade do processador, 200 MHz e para meio entendedor meia palavra basta. O Qtek S100, têm por exemplo, o processador a uma velocidade de 400 Mhz aprox.

Possivelmente para aumentar a “battery lifetime”, e “to cut costs” reduziram no processador.

Nada mau, mas esperava melhor de material de mais de 600 euros.