Novo Brinquedo

Já aqui tinha postado algumas coisas tiradas com o novo brinquedo mas resolvi postar uma dele directamente.

Estou a a falar do meu novo mobile/photo machine que dada a brilhante ideia da tmn em baixar os preços aproveitei para adquirir.

46654.jpg

Com uma máquina fotográfica a 3.2 MP este brinquedo é excelente: em imagem, na construção, usabilidade. Desde que passei a usar o meu k310i que me tinham dado há um ano passei a adorar Sony Ericsson. Contudo o P800 que tive no passado não me satisfez tanto.

Para colmatar o dito cujo, nada como um cartão de 2 GB da Sandisk. Pena é os preços, estes cartões Memory Stick Micro M2 são carissimos. E são da SanDisk e não da Sont mesmo, porque esses nem se fala.

Já é Natal…

Já se nota por aí. Fotos tiradas no Almada Fórum este Sabado. As imagens não estão nada de mails, apenas foram tiradas com o meu novo telemóvel de forma a captar o momento.

Câmara: Sony Ericsson K800i CyberShot 3.2 MP – Redução para 40% do original para publicação

dsc00029-copy.JPG

dsc00030-copy.JPG

Alpes

Dado que o meu gallery não funciona ainda aqui na esotérica, ficam por aqui algumas fotos da viagem do Francisco aos Alpes, de forma a partilhar estas lindas imagens.

Cãmara: Sony CyberShot – Redução para 30% do tamanho da imagem para publicação

dsc04993.JPG

dsc05015.JPG

dsc05038.JPG

Asterisk – The Inbound problem

Conforme o post de ontem (e dado que isto é um blog, vai servir precisamente para colocar aqui algumas coisas que faça) usei ontem pela primeira vez o Asterisk que tinha instalado.

Utilizei por questões de simplicidade o Asterisk now, que é uma appliance open source, isto é um sistema Linux customizado, contendo o Asterisk, o Asterisk GUI e mais um conjunto de software para o Asterisk.

Para trabalhar com isto recorri a um softphone dado não ter nenhum telefone IP, e que funcionou perfeitamente.

Criar users, testar tudo ok. Próximo passo foi addicionar um SP, neste caso a VoipTalk que me permitiu receber a chamada em Inbound e fazer Outbound.

Claro que antes de isto funcionar temos de configurar quer as regras de Inbound, quer as de Outbound. A verdade é que após criar uma fila de atendimento, ou “Call Qeue” em Inglês deixei de receber chamadas. Não sei o porquê mas acho que algo se baralhou aqui.

Demos por isto quando tentei criar um IVR para o Luis me ligar, mas as chamadas chegarem cá é mentira. Não sei o que se passa muto sinceramente, até fico com a ideia que é o SP que não faz cá chegar as chamadas, dado que pela consola o serviço está registado, e quando ligam aparece habitualmente info na consola da chamada a ser estabelecida, e aqui não.

Weird stuff…

Nexts Steps pôr isto a funcionar, com IVR, e testar o CTI do sistema.

AsteriskNow

Comecei hoje a fazer algumas experiências com o asterisk now.

É todo  administrado através do browser, sendo que de momento já consigo fazer outbound do mesmo para o Luis Forte através de uma configuração de um SIP Provider, neste caso a VoipTalk onde o Luis está. Estas facilidades podem ainda ser extendidas recorrendo ao IAX para interligar com outros asterisk.

Com um simples Softphone, o SJPhone , tenho conseguido efectuar alguns testes com sucesso.

A primeira diferença que encontro é em termos de estrutura, sendo que estou habituado a estruturas Piloto – fila de Espera – Grupo de Processamento das centrais Alcatel este apenas têm para criar “Call queues”. A Filosofia parece prática, sendo que ao ser o único agente no queue e se ligar para lá fico em espera.

Vou ainda tentar fazer um pequeno IVR para atender o Luis, e depois vou dormir 🙂

Abaixo a consola web de configuração do asterisk, com os canais activos. Hoje um IVR, amanhã o CTI, depois quem sabe 🙂 

asterisk1.JPG