Tarifários ao Segundo em Portugal – o meu caso da Vodafone

Na sequência da polémica instalada em que Anacom obriga os operadores a introduzir tarifas com taxação ao segundo, e segundo uma mensagem recebida esta semana no meu 91 que pouco uso (ou nada) e por isso está em casa em que informa que “Ao abrigo da lei a Vodafone informa q p/ alem de tarifários s/ consumo minimo obrigatório  ter  disponiveis tarifarios c/ taxacao ao segundo. Info/adesao: 1274 / vodafone.pt”

Nada encontrei no vodafone.pt, mas no 1274 tudo lá está explicadinho.

Pesquisando um pouco por , no tek.sapo.pt  ainda dão ainda uma tabelinha toda bonitinha com os tarifários. Básicamente para o que me interessa, passamos a ter uma cobrança de 5.949 Cênt. que dão para 10 segundos de conversação, e cada minuto passa a ser taxado em 0.595.

Isto perfaz cerca de 35.699 Cêntimos por minuto de acordo com as minhas contas.

Comparando com a minha actual Vitamina Light Bónus em que pago:

Chamadas Nacionais (preços por minuto)
Rede móvel Vodafone 20,8 cênt.
 
Rede Fixa 51,9 cênt.
 
Outras Redes 66,1 cênt.
 
Bónus pelas chamadas recebidas 2 cênt./min
 
São aplicados períodos de taxação de 10 segundos após um periodo inicial de 60 segundos.
 

não é assim grande poupança.

Pode não parecer muito, mas tendo em conta que básicamente uso o referido número para falar com uma ou duas pessoas vodafone poucas vezes por mês, e são chamadas rápidas, que duram menos que um minuto acho que se consegue assim alguma poupança.

1-0 a favor do Governo !

Nas restantes situações – uso intensivo, chamadas longas – quer-me a mim parecer que estes tarifários serão pura demagogia e servem apenas para se dizer que existem, dado que permitir alguma poupança é mentira, tendo no caso a Vodafone o tarifário Vital Total ao segundo que têm preços bem mais simpáticos do que este novo modelo de sem carregamentos ao segundo.

Todos os clientes são importantes óbviamente, mas todos têm (deveriam ter) consciência que o valor do cliente conta imenso nas receitas das operadoras, pelo que clientes que pouco ou nada gastam milagres não podem esperar.

Não faço análises para os outros operadores, dado não ter qualquer interesse pessoal em o fazer, mas assumo que deverão ser bastante semelhantes a estas condições, dado que o mercado está muito “regulado”… Esta análise resulta apenas do facto de ter um 91 e da minha busca do seu tarifário óptimo para as necessidades de utilização que dele tenho.

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *