Lâmpadas Economizadoras

Este ano com a mudança de casa deparámo-nos com um outro tipo de iluminação: as decors/iluminação quase toda feita á base de focos.

Não obstante a quantidade que não acho tão exagerada nesta nossa casa como nalgumas que vi (contei uma vez numa sala um total de 36 focos!), aqui nos corredores, Wc’s e na cozinha existem alguns focos.

Estéticamente bonitos, são contudo um potencial de gastos energéticos supérfluos enorme, e é mesmo isso: toda a gente recomenda mudar devido aos ganhos que se podem obter.

Não é muito complicado de fazer…. cada foco gasta 55W, um destes 7W ou seja gasta quase 8X mais. Se pensarmos que um simples WC têm entre 2 a 4, é fazer as contas !

Cá para casa adoptei o uso em massa das lâmpadas economizadoras, vulgos Cfl’s e hoje foi dia de adquirir mais uns. Em regra geral tenho comprado dos do IKEA mas não costumo encontrar este formato por lá.

Aproveitei a viagem de hoje e pelas 19 horas fui até ao Leroy Merlin – que estava cheio, parece que as compras de Natal agora também se fazem em lojas de materiais… será que oferecem martelos e lixadeiras no sapatinho ?  – , mas pronto lá comprei o que queria.

DSC02368

Cum um custo de cerca de 5.90 EUR devido a estarem em promoção, estas Lexman são definitivamente uma escolha acertada.

Apenas têm o contra do tamanho do “canhão” onde está albergada toda a electrónica da coisa. Se o tecto o permitir, são uma boa escolha.

Há ainda “apenas” a questão da segurança que ja comentei em tempos, mas é como tudo (podem dar uma espreitadela a este tema aqui na Alegre Casinha do Carlos Martins). Tentem escolher ao máximo lâmpadas encapsuladas – São menos perigosas ao que se diz, e bem mais bonitas – e não estar colados a elas.

MSE – A dificuldade em instalar

Reinstalei o pc Desktop recentemente (tinha feito no lançamento do 7 um upgrade de Vista para 7, e dado não ser um clean install ficou por aqui muito lixo), e decidi desta vez dar uma oportunidade ao Microsoft Security Essentials de ser o AV cá da zona. É simples, leve e acima de tudo gratuito.

É de facto complicado de instalar… pelo menos para Portugal. Em IE8 é mesmo dificil:

mse_ie8

Já com o Firefox, o arqui-inimigo do IE8 é fácil:

mse_firefox

E pronto… voilá! Validar a cópia do Windows 7, instalar e usar. A Microsoft deveria agradecer ao Firefox 🙂