TP-Link PA211 e a avaria dos condensadores

Comprei em 2010 uns TP-Link PA211, que para quem não sabe são uns fantásticos PLC que me têm dado um jeitão para passar rede entre duas divisões não contíguas aqui de casa.

Não obstante de serem um espetáculo, e terem sido comprados bem baratos numa promoção da Pixmania, sofrem de um problema que aparentemente pelo mundo inteiro os afeta.

A primeira vez que ouvi falar disto foi de um colega o Carlos, em que os dois morreram. Ora o Carlos dedicou-se a pesquisar um pouco na net acerca disto, e chegou á conclusão que havia muita gente a queixar-se de um problema de um condensador. No caso dele, ambos morreram na mesma altura.

Na semana seguinte, quase por magia, o meu tio queixou-se do mesmo. Lá acabei por lhe dispensar um terceiro que provinha de um kit que comprei a meias com o Carlos para “spare”.

Ora agora foi a minha vez. O dito aparelho estava morto: não tinha luzes, não fazia nada. Acabada a garantia, como já sabia desta questão levantei o autocolante procurei o parafuso que junta a tampa á caixa e abri as entranhas do bicho para procurar o problema.

Pode-se rápidamente ver que o problema é um condensador electrolitico que ali está rebentado: 1500microFarad de 6.3V.

Pelo que pesquisei na net, ninguém ainda percebeu se é um problema de design do circuito e a voltagem do condensador é insuficiente, ou é mesmo um problema de qualidade do condensador.

Fui ali á RadiPeças e comprei dois de 1500microFarad de 16V, precisamente já para prevenir algum mau dimensionamento. Os dois, bem, porque qualquer dia vai acontecer o mesmo ao par deste, e por oitenta cêntimos fica já o problema semi resolvido.

É só abrir, levantar o PCB pelo lado da ficha ethermet, forçando a caixa a separar-se desta, sendo que o botão de reset dificulta a operação – no meu caso cortei a parte visivel do push button, e ainda com o ferro de soldar queimei um pouco do plástico. Ainda empurrei aquilo mais um pouco para dentro, mas depois de algumas investidas a coisa lá se abriu. A imagem abaixo mostra uma outra tentativa que encontrei noutro site em que parece que arrancaram o botão. Será sempre uma coisa parecida que será necessário fazer para abrir e levantar o PCB de forma a dessoldar o condensador e voltar a soldar o novo.

Note-se que os 220V da ficha ligam diretamente ao PCB por aquelas tiras metálicas que lá estão soldadas diretamente, pelo que deverão ter alguma paciência e cuidado a levantar a placa PCB (soldadas nos quadrados amarelos da segunda figura do post).

E pronto após trocar o condensador ficou a funcionar. Cá está ele, a comunicar com o seu par a ums possiveis 30 metros, e com uma velocidade de 123Mbps – apesar de apenas ter uma tomada ethernet com velocidade de 100Mbps.

Já lá vão uns 15 minutos, escrevi o post, o windows fez updates e está tudo a funcionar!